A Formação em serviço com os profissionais da rede é realizada no Cemepe, nas Unidades Escolares, nos Polos e em outros espaços educativos com vistas a efetivar a implementação da Rede pelo Direito de Ensinar e de Aprender.  Para isso, o centro conta com dez núcleos interdisciplinares.

NERER - Núcleo de Educação das Relações Etnicorraciais

postado em 7 de nov de 2014 09:07 por Andre Martins   [ 1 de ago de 2016 12:40 atualizado‎(s)‎ ]


  
O Núcleo objetiva estabelecer uma política de implementação de ações didáticas e pedagógicas com vistas à promoção de uma educação sem discriminações e sem preconceitos, positivando as relações etnicorraciais nos níveis e modalidades de ensino de competência da Rede Municipal de Uberlândia, tendo como referência a Lei Orgânica Municipal nº001/91 a 030/09 art. 165; a Lei 10.639/03; a Resolução CNECP 01/2004; o Parecer CNECP 03/2004, a Lei 11.645/08; o Decreto 14.035/13; a Lei 11.444/13 e a Carta às pessoas que optaram por participar ativamente da concretização do direito de ensinar e de aprender, em Uberlândia, promovendo ações coletivas, fundamentais para o fortalecimento de escolas públicas de qualidade referenciada socialmente (D.O.M 4254-A).

 Ao Núcleo de Educação das Relações Etnicorraciais compete:

I - Estabelecer uma política de implementação das leis 10.639/03, 11.645/08 e 11.444/13, contemplando o teor das mesmas em todo o currículo escolar, promovendo assim, uma educação sem discriminações e sem preconceitos com vistas à igualdade etnicorracial em toda a Rede Municipal de Ensino;

II - Realizar estudos, pesquisas e intervenções pedagógicas de implementação da Educação das Relações Etnicorraciais, que promovam a institucionalização desta temática junto às unidades escolares da Rede Municipal Ensino de Uberlândia, fortalecendo a gestão curricular e pedagógica;

III - Promover formação continuada de profissionais da educação que gere atitudes de respeito, reconhecimento e valorização das culturas e dos grupos etnicorraciais e culturais presentes na escola;

IV - Subsidiar a construção de propostas e ações pedagógicas e assessorar as já existentes, nas escolas, desenvolvendo projetos e materiais didáticos que visem à implementação da Educação das Relações Etnicorraciais;

V - Desenvolver parcerias com órgãos governamentais e não governamentais para a promoção de políticas públicas de educação das Relações Etnicorraciais com vistas à igualdade de direitos, oportunidades e de tratamento dos diferentes grupos etnicorraciais, com o objetivo de fortalecer a Rede Pública Municipal pelo Direito de Ensinar e de Aprender.



NAE - Núcleo de Assuntos Estudantis

postado em 7 de nov de 2014 09:00 por Andre Martins   [ 20 de mai de 2016 09:01 atualizado‎(s)‎ ]


https://dl.dropboxusercontent.com/u/41666152/Logos-nucleos/cab_nae.png.jpg
O Núcleo de Assuntos Estudantis – NAE do Cemepe/SME foi criado para colaborar na implementação de uma política educacional democrática, contemplando, em todas as ações, os interesses e as necessidades dos (as)  estudantes. Por isso, uma das primeiras ações do NAE foi estimular a criação dos grêmios estudantis livres nas escolas de Ensino Fundamental.

Inicialmente, foi realizado um trabalho com os (as) estudantes que representam as turmas de  alunos (as) dos anos finais do Ensino Fundamental (6º ao 9º).

A partir de diversas oficinas, os representantes de turmas organizaram, junto com professores (as), pedagogos (as) e direção da escola, um processo de votação para escolher seus representantes nas coordenações dos grêmios.

Esse trabalho possibilitou a criação de 19 grêmios estudantis nas escolas municipais de zona urbana e 03 nas escolas de zona rural. A efetivação de grêmios estudantis  deverá ser ampliado para outras escolas, em novos formatos, conforme faixa etária dos (as) alunos (as).



NGD - Núcleo de Gestão Democrática

postado em 7 de nov de 2014 08:56 por Andre Martins   [ 1 de mar de 2016 08:15 atualizado‎(s)‎ ]

NGD



O Núcleo de Gestão Democrática – NGD tem como princípios de trabalho o desenvolvimento da gestão escolar e a efetivação da proposta de uma Cidade Educadora, realimentando a ação democrática nas unidades escolares e nos demais setores educacionais ligados à Secretaria Municipal de Educação. Nesse sentido, compreende a necessidade de uma nova concepção de escola que contemple as suas várias dimensões socioeducativas numa proposta de ações verdadeiramente democráticas que valorizem o diálogo, a constituição e atuação do Conselho escolar, a reestruturação permanente do Projeto Político Pedagógico e a participação efetiva da comunidade escolar em todos os momentos do planejamento da escola. Respaldados nessa capacidade de pensar e agir democraticamente é possível vislumbrar a construção de uma escola pública participativa, plural com foco nos Direitos Humanos e vinculada à Rede pelo Direito Ensinar e de Aprender.




NEJA - Núcleo de Educação de Jovens e Adultos

postado em 7 de nov de 2014 08:53 por Andre Martins   [ 1 de mar de 2016 08:14 atualizado‎(s)‎ ]


NEJA

A Educação de Jovens e Adultos (EJA) tem uma dimensão discursivo dialógica que se faz presente nas diversas situações pedagógicas. Seus conhecimentos não são apenas como "construção-desconstrução" do saber já instituído. Eles vão além do convencional, promovendo a inovação, criação, produção e novas formas de (re)pensar, expressar e de (re)fazer o mundo.

(Re)organizando sua proposta didático-pedagógica voltada para atender, com qualidade, todas as pessoas jovens e adultas, cabe à escola pensar no direito a escolarização de todos, defendendo e entendendo a concepção de uma escola inclusiva, democrática, popular, acolhedora e referenciada socialmente.




NEDH - Núcleo de Educação em Direitos Humanos

postado em 7 de nov de 2014 08:46 por Andre Martins   [ 1 de mar de 2016 08:14 atualizado‎(s)‎ ]


O Núcleo de Educação em Direitos Humanos – NEDH tem como objetivo principal estabelecer políticas pedagógicas de Formação Continuada de/com Professores da Educação Básica (Infantil e Fundamental I, II) com a finalidade de proteger e promover os Direitos Humanos no espaço educacional, em especial dos grupos vulneráveis e em situação de risco eminente. Visa a formação de uma cultura de respeito à dignidade humana em suas várias dimensões individuais e coletivas, comprometida com as transformações pessoais e sociais, contribuindo para a continuidade da construção de uma sociedade democrática, sustentável, equânime e socialmente mais justa e solidária, ou seja, uma cidade educadora.

Possui também como finalidade cumprir as exigências de implementação das Políticas Legislativas do Governo Federal, acerca das Leis 10639/03, 11645/08, 11340/06, 8069/90, abordadas como linhas de pesquisa e intervenção no cotidiano escolar, sendo estas, norteadas pela Secretaria Municipal de Educação de Uberlândia. As linhas de estudo, pesquisa e intervenção no cotidiano escolar, propostas pelo NEDH, deverão envolver professores/as e alunos/as da Educação Básica, bem como, os demais integrantes das comunidades escolares, objetivando a qualificação da prática político-pedagógica educacional e a melhoria das relações humanas no espaço educativo, visando construir uma cultura voltada para a Paz e, igualmente, uma “Cidade Educadora”.



NEF - Núcleo de Ensino Fundamental

postado em 7 de nov de 2014 08:20 por Andre Martins   [ 1 de mar de 2016 08:15 atualizado‎(s)‎ ]


Ensino Fundamental

O Núcleo de Ensino Fundamental faz parte do CEMEPE, o Centro de Estudos e Projetos Educacionais Julieta Diniz, da Prefeitura Municipal de Uberlândia.

De acordo com o decreto nº 14.035, de 29 de abril de 2013, compete a este núcleo as funções de promover estudos, pesquisas e intervenção pedagógica no ensino fundamental, no espaço da escola e da sala de aula; promover a capacitação para docentes do ensino fundamental, resgatando paradigmas epistemológicos, as experiências e as práticas pedagógicas nas diversas áreas do conhecimento; e produzir materiais pedagógicos, nas diferentes áreas constitutivas do ensino fundamental.

O NEF é uma estratégia de organização de trabalho do programa "Estudos e pesquisas de intervenção sobre os currículos e a práxis pedagógica" e dos projetos "As questões étnico-raciais, de gêneros e a cidadania nos currículos escolares", "Educação e direitos humanos na educação básica" e "Experiências, práticas pedagógicas e produção de material didático para as diferentes áreas do conhecimento".



NLIN - Núcleo das Linguagens

postado em 7 de nov de 2014 07:49 por Andre Martins   [ 1 de mar de 2016 08:13 atualizado‎(s)‎ ]


Núcleo das Linguagens

O Núcleo das Linguagens (NLin) é uma equipe do Centro de Estudos e Projetos Educacionais Julieta Diniz (Cemepe), da cidade de Uberlândia. O NLin desenvolve estudos e projetos relacionados à educação estética e cultura.

 Procuramos explorar possibilidades pedagógicas dos cinco sentidos, da arte, da cultura do entorno da escola e de espaços que não são tradicionalmente pedagógicos. Buscamos por linguagens alternativas à língua natural e ao cálculo, com vistas a enriquecer a comunicação, que é essencial ao processo de ensino-aprendizagem.

Uma educação pela estética e cultura pode ter impacto profundo na formação das pessoas, sobretudo se pensarmos nas relações entre ética e estética, no aspecto inclusivo de uma alternativa à racionalidade técnica, na consciência que emerge do conhecimento mais acurado das próprias raízes culturais e históricas, no potencial de desenvolvimento da criatividade, da sensibilidade e do espírito crítico.



NADH - Núcleo de Apoio às Diferenças Humanas

postado em 7 de nov de 2014 07:43 por Andre Martins   [ 1 de mar de 2016 08:13 atualizado‎(s)‎ ]

NADH          
O NADH é o núcleo da Secretaria Municipal de Educação Especial responsável pelo Atendimento Educacional Especializado(AEE) nas Salas de Recursos Multifuncionaisdas escolas municipais de Uberlândia. Congrega e cumpre as exigências de implementação da Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva (2008). O núcleo tem como princípios norteadores garantir o acesso e a permanência com qualidade do aluno na escola regular, por meio da complementação pedagógica do processo ensino-aprendizagem. E objetiva viabilizar os serviços da educação especial junto à educação escolar de crianças, jovens e adultos por meio do AEE na Rede Pública Municipal de Ensino. Compete ao NADH promover cursos de formação continuada e contínua através de projetos, estudos, pesquisas e intervenções no que se refere ao Atendimento Educacional Especializado – AEE, nas Salas de Recursos Multifuncionais – SRM na Rede Municipal de Ensino Fundamental, Educação Infantil e de Jovens e Adultos junto ao seu público-alvo da educação especial : 
  • alunos com deficiência: aqueles que têm impedimentos de longo prazo de natureza física, intelectual, mental ou sensorial; 
  • alunos com transtornos globais do desenvolvimento: aqueles que apresentam um quadro de alterações no desenvolvimento neuropsicomotor, comprometimento nas relações sociais, na comunicação ou estereotipias motoras. Incluem-se nessa definição alunos com autismo clássico, síndrome de Asperger, síndrome de Rett, transtorno desintegrativo da infância (psicoses) e transtornos invasivos sem outra especificação;
  • alunos com altas habilidades/superdotação: aqueles que apresentam um potencial elevado e grande envolvimento com as áreas do conhecimento humano, isoladas ou combinadas (intelectual, liderança, psicomotora, artes e criatividade).

Desta forma,  o NADH promove a intervenção e aplicação dos serviços da educação especial junto ao contexto da Educação Básica materializado no AEE, estabelecendo articulação e assessoramento aos alunos e professores da sala de aula comum. Também disponibiliza serviços, recursos pedagógicos e de acessibilidade e estratégias que promovem a participação dos alunos nas atividades escolares partindo de suas necessidades e garantindo o acesso, a qualidade e a permanência desse aluno na escola regular, por meio do processo ensino-aprendizagem. Neste sentido, tem como meta a efetivação de uma política de Educação Especial fundamentada na proposta de uma educação que reconhece a diversidade e valoriza a diferença humana.

 LINK PARA O BLOG DO NADH

NINF-Núcleo das Infâncias

postado em 7 de nov de 2014 07:37 por Andre Martins   [ 1 de mar de 2016 08:12 atualizado‎(s)‎ ]

Núcleo das Infâncias

Considerando o artigo 29 da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, LDBN no. 9.394/96, que define a educação infantil como a primeira etapa, nível I da Educação Básica e cuja finalidade é o desenvolvimento integral da criança até os seis anos de idade, em seus aspectos físico, psicológico, intelectual e social, complementando a ação da família e da comunidade o Núcleo da Infância SME/CEMEPE se justifica pela necessidade de dar suporte político-pedagógico aos profissionais, que atuam nesse Nível de Ensino e também as crianças de 7 e 8 anos,  através da Formação Permanente.

Tais ações filosóficas pedagógicas objetivam auxiliar o planejamento dos professores e envolvidos na realização do trabalho educativo diário junto aos alunos de forma integrada, de tal forma que incorpore ao contexto educativo os cuidados essenciais das crianças, tais como: os jogos, as brincadeiras, os princípios de convivência, os direitos civis, políticos e sociais que lhes garantam vivenciar na escola a plena cidadania e a aprendizagem acerca da realidade e do seu entorno

IR PARA O BLOG DO NÚCLEO DAS INFÂNCIAS


NTE - Núcleo de Tecnologia e Educação

postado em 7 de nov de 2014 07:34 por Andre Martins   [ 7 de nov de 2016 08:30 atualizado‎(s)‎ ]

http://www.ntecemepe.com/

O Núcleo de Tecnologia e Educação (NTE) é responsável pelo trabalho pedagógico realizado em 51 laboratórios de Informática Educativa das Escolas Municipais. O Núcleo tem como frentes de atuação: desenvolvimento e aplicação de projetos educacionais interdisciplinares ligados ao uso da Tecnologia da Informação e Comunicação (TICs), envolvendo alunos e professores da rede municipal no que diz respeito à demanda social de inclusão digital; organizar e ministrar cursos de formação continuada para os professores de informática educativa, bem como oficinas, palestras e trocas de experiências que estimulem o aprendizado e a criatividade das crianças (produção de vídeos, animações, textos informativos, e outros materiais com o uso de ferramentas de multimídia); visitas pedagógicas às escolas da rede municipal para acompanhar o trabalho desenvolvido nos laboratórios de informática; orientar o trabalho de professores quanto ao uso de softwares educacionais e estratégias de criação e manutenção de sites e blogs educativos; viabilizar a implantação do diário eletrônico nas escolas municipais.

IR PARA O SITE DO NTE

1-10 of 10