PUBLICAÇÕES‎ > ‎Boletim‎ > ‎Edições 2016‎ > ‎Ano I no 05 abril/maio 2016‎ > ‎Geral‎ > ‎

Profissionais da educação discutem sobre a Base Nacional Comum Curricular

postado em 30 de mar de 2016 04:52 por Andre Martins   [ 30 de mar de 2016 04:59 atualizado‎(s)‎ ]

Por Martha Fontoura

https://goo.gl/photos/7Bz7CXtHc8dDdXnV9
No dia 09 de março de 2016, os profissionais da educação do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba, participaram de um seminário, promovido pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), para de discutir a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), proposta pelo MEC.

 No período da manhã, a Professora Mestre Gláucia Aparecida Vieira, coordenadora da política de formação da Secretaria de Estado da Educação de Minas Gerais e membro da comissão nacional da Base Nacional Comum, destacou o conceito de currículo e de base curricular, bem como apresentou os seus princípios, objetivos, áreas previstas e, principalmente, as formas de participação e sugestões de alterações no documento BNCC.

 A professora Gláucia informou que, no dia 15 de março, encerram-se as contribuições ou participação pública pelo portal http://basenacionalcomum.mec.gov.br/ que atualmente conta com mais de 12 milhões de contribuições. A elaboração da segunda versão da proposta será até o dia 15 de abril, sendo que os seminários serão realizados até maio deste ano. Na primeira semana de junho está previsto o envio dos relatórios dos seminários para o MEC e em julho será encaminhada a proposta de BNCC para o Conselho Nacional de Educação/MEC.

Ainda no período da manhã, após a apresentação da palestrante, os profissionais da educação que participaram do evento apresentaram, em plenária, algumas críticas ao documento proposto. No período da tarde os participantes tiveram atividades em grupos por área do conhecimento. Ao final do seminário, houve um momento de socialização, em que os grupos apresentaram as suas propostas e conclusões, as quais serão encaminhadas como contribuições ao portal do MEC.