Apresentação

“Quando os ventos da mudança sopram, umas pessoas levantam barreiras, outras

constroem moinhos de vento” (Erico Veríssimo).


 Esta obra pretende convidar a todos para o início de uma reflexão a respeito da realidade que gostaríamos de construir para nós e para os nossos jovens. A vida, assim como a natureza, é um movimento contínuo que se altera a cada estação e precisamos estar atentos para acompanhar o seu ritmo e entender as suas mensagens.

Sabemos que as pessoas de hoje são diferentes daquelas das gerações passadas. As crenças, valores e princípios, bem como a atitude frente ao mundo sofreram profundas alterações e as famílias refletem estas mudanças, por exemplo, o conceito de núcleo familiar está ligado muito mais ao afeto do que aos vínculos sanguíneos.

A escola contemporânea não pode ficar indiferente a toda esta transformação uma vez que se constitui, também, um espaço significativo da convivência entre crianças e adolescentes.

Por isso, é tão importante o diálogo constante entre família e escola, pois só assim poderemos nos conhecer melhor, identificando as nossas necessidades, possibilidades, expectativas, compreendendo melhor determinadas atitudes e pensamentos.

Para tanto, devemos preservar, apesar de todas as mudanças, os sentimentos positivos, os valores e princípios éticos, considerando que a base para qualquer relacionamento saudável e forte depende do AMOR E RESPEITO que nutrimos pelos nossos semelhantes.

Não podemos nos esquecer também que a família e a escola são caminhos interligados que levam para um destino comum: a educação para a vida.